Cerratinga

Bacuri

>> Clique e acesse os Produtos, Produtores e Receitas com esta espécie
Espécie da Amazônia e do Cerrado

Bacuri (nome científico Platonia insignis) é uma árvore frondosa que pode chegar a 40 metros de altura e dois metros de diâmetro. Popular na região amazônica, também é encontrada no bioma Cerrado nos estados do Maranhão e Piauí. A espécie, no passado, não era vista como planta frutífera, mas explorada por ter uma madeira resistente para construção de embarcações e casas.

Bacuri - fruto (Foto: Acervo ISPN)

Bacuri – fruto (Foto: Acervo ISPN)

De flores róseas ou brancas, essa espécie pode se reproduzir de duas formas: por sementes ou brotações das raízes. Há um ditado popular na Amazônia que diz: “o bacurizeiro nasce até dentro de casa”. A justificativa para tal afirmação é que, em áreas com vegetação aberta, a densidade do bacuri, em início de regeneração, pode chegar a 40 mil por hectare.

Flor de Bacuri (Foto: Daniel Vieira)

Flor de Bacuri (Foto: Daniel Vieira)

A fruta do bacuri tem, em média, dez centímetros e possui uma casca dura. Nela é encontrada uma polpa branca. É uma fruta com sabor muito especial que conquista na hora  quem a prova pela primeira vez. Rica em fósforo e cálcio, é usada para fazer sucos, geleias, licor, doces, sorvetes e polpa. O seu poder medicinal vem do óleo retirado de suas sementes, usado como antiinflamatório e cicatrizante.

Bacuri - árvore (Foto: Acervo ISPN)

Bacuri – árvore (Foto: Acervo ISPN)